• Sem banheiros e com muitas goteiras, vereador mostra descaso com a Casa do Artesão de Sinop

    13/12/2018

    Redator: Assessoria
  • Compartilhar:

Após receber uma denúncia o vereador Adenilson Rocha fez visita a Casa do Artesão de Sinop na tarde desta quarta-feira (12) e contatou falhas na estrutura como goteiras, buracos no forro de gesso e falta de banheiros no prédio.

 

O vereador classificou como descaso da parte da administração pública. “Um local onde os artistas expõem suas peças e produtos para vender, mas recebemos uma reclamação que o local está abandonado, com goteiras, forro de gesso caindo pedações e sem banheiro para aos artistas que ficam no local e cliente. A prefeitura paga aluguel do prédio e cede para a Associação dos Artesões”, relatou Adenilson.

 

Outra reclamação é em relação à mudança de endereço. “Queremos entender os motivos que levou a mudança de local, pois na avenida Júlio Campos o fluxo de pessoas era maior, aumentando assim as vendas. Na rua das pitangueiras ficou escondido aos olhos das pessoas que querem comprar uma lembrança de Sinop”, enfatiza o vereador. “Vou requerer informações sobre o porquê mudaram de endereço e indicar melhorias na estrutura para melhor acomodar os artesões e receber as pessoas”, finaliza Adenilson.

 

Mais de 40 artesões fazem parte da Associação dos Artesãos. casa  em Sinop e muitos de seus trabalhos são enviados para outras regiões do país. Muitos dos produtos feitos pelos artesãos sinopenses são apresentados em feiras e exposições das cidades da região, como Sorriso e Alta Floresta, e até em feiras em outros Estados.

 

O artesanato que é feito de materiais recicláveis e da natureza, como restos de madeira, garrafas, sementes, retalhos, buriti, muitas vezes são doados e os preços variam de acordo com a peça.