• Adenilson participa de reunião que pede mais prazo ao Hospital Santo Antônio para não suspender atendimento pelo SUS

    12/01/2018

    Redator: Mayla Miranda / redação Foto: Thiago Silva
  • Compartilhar:

A partir de segunda-feira (15), o Hospital Santo Antônio não atendará mais pacientes pelo Sistema Único de Saúde, mesmo com o pedido de vereadores que estiveram em reunião nesta manhã com a direção da instituição (12). Os parlamentares solicitaram à diretoria mais um prazo para avaliar as possibilidades de manutenção do atendimento mas, de acordo com o superintendente da fundação, Wellington Randall Arantes, não há mais condições financeiras de manter o atendimento.

 

“O último repasse, ou seja, o pagamento que o Governo efetuou, foi do mês de julho de 2017 totalizando, assim, cinco meses e meio de atraso, haja vista que o repasse de julho não foi feito em sua integralidade. O estado foi notificado sobre a suspensão no mês 10/2017”, explicou.

 

De acordo com o vereador Adenilson Rocha (PSDB), apesar de a responsabilidade do pagamento ser do Governo do Estado, a gestão municipal teria condições técnicas de fazer esse repasse para que a população não fique sem o atendimento.

 

“Seria feito um contrato temporário para o atendimento ao menos da obstetrícia, mas estamos esperando a resposta da gestão. Além disso, nós (os vereadores), estamos entrando em contato com os deputados para que eles intercedam junto ao governo e consigam que os repasses sejam feitos”, explicou.